Anos Dourados. Quem se lembra?

Lamartine Reginaldo

Jóquei Clube com suas matinês dançantes aos domingos pela manhã e sua piscina com seus três trampolins, onde saltar "de ponta" do terceiro era uma glória. E seus carnavais e reveillons, inesquecíveis. Cine Goiânia e sua "seção perfumada" aos domingos às 18:00 hs. Em seguida o "desfile" na Av. Goiás, entre a Rua Três e Praça do Bandeirante. Lanche Americano com o Sebastião e D. Alice dando um show de simpatia. Cine Casablanca com suas deliciosas matinês. As festinhas realizadas nas residências dos amigos. Éramos felizes e não sabíamos. Recordar é viver.

Lembranças por Augusto

 

A amizade é uma virtude que muitos sabem que existe, alguns descobrem, mas poucos reconhecem. A amizade quando é sincera o esquecimento é impossível.
Nem sei quanto tempo passou desde que se encontraram pela primeira vez. Acho que somos amigos desde sempre. De rua, de vizinhança, de colégio, de festinhas, do Jóquei Club, do Cine Goiânia, dos papos na rua.... O que sei é que em que cada momento da vida, bom ou ruim, de uma forma ou de outra, a todo momento ou de tempos em tempos,... amigos sempre e para sempre!!!

Nasceram filhos, realizaram os batizados, os namoros, noivados, casamentos, nascimento da segunda geração.
Junho, as festas de São João, Santo Antônio, São Pedro, queima de Judas... Foguetes, traques ....

As noitinhas reuniam sempre que possível. Alguns namoravam, outros batiam papo, andavam de carro

Festinhas mensais, nas casas de algum dos vizinhos, regadas a Cuba Libre, Hi Fi, Ponche, refrigerante e sucos.

Músicas de Ray Connif, Miltinho, Roberto Carlos, Elvis Presley ,The Platers ,Beatles.

As 10, começava a matinê dançante no Jóquei Clube. As gatinhas encantadoras, os rapazotes com os cabelos com brilhantina e seus famosos topetes e costeletas, calças Lewis, camisa xadrez, som ao vivo com Mazinho e sua banda. Uns flertando, outros namorando, dançando, rostos colados (nem todos!). Os domingos eram aguardados com ansiedade!

Bailes de debutantes, clubes, Jóquei, Country e Jaó. Lindas donzelas apresentadas à sociedade, dançando valsa com seus pais e namorados.
Carnaval, Reveillon, Blocos, serpentina, confetes, lança perfume. ​

As 18 horas, a famosa sessão perfumada do Teatro Goiânia, as jovens belas e charmosas, acompanhadas dos namorados elegantérrimos !

Em seguida, o footing na Av. Anhanguera – as moças desfilando na passarela e os rapazes contemplando. Paqueras mil!​

Av. Tocantins, com seus Flamboyants floridos, cores vermelhas, amarelas e rosas.

As serenatas, realizadas pelo Marcio, Pau de Arara, Mazinho, Willian, Fábio.

As reuniões nas férias, onde 4 coisas eram fundamentais:
- um “ poço” perto de Goiânia ( de algum amigo ou parente)
- Lagimeira – mel – limão, na verdade uma grande cachaçada!

O tempo foi passando...e vieram coisas mais sérias – vestibular, faculdade,..a maioria saiu de Goiânia.

Depois o retorno – casamento, filhos, a extremamente feliz criação da AJA, netos, aposentadoria...

Infelizmente a perda de um dos nossos. Que, de onde estiver, continua nos acompanhando

E congregados na AJA cada dia mais amigos ainda!

E... viva nois

Augusto